Positividade tóxica – A pressão de estar bem

Você já recebeu conselhos para deixar seu problema de lado e ficar otimista, não importa qual fosse sua tristeza ou preocupação no momento? Ou seguir alguém nas redes sociais e dizer ser sempre bom porque continua a pensar positivamente? Se antes eram comuns, então, nas complexas circunstâncias de uma pandemia, o discurso que promove a positividade a todo custo ganhou força.

Como muitas outras emoções, o otimismo é bom, mas muito pode ser prejudicial. Otimismo não é o mesmo que se esconder no otimismo sustentado. Quando essa busca pela positividade começa a se tornar um estresse, pode se tornar tóxica. Aí vêm os pensamentos positivos tóxicos.

Os psicólogos dizem que, ao negar os aspectos negativos de nossas vidas, suprimimos alguns sentimentos. “Quando estamos presos em uma bolha onde tudo deve estar bem, é difícil passar e lidar com momentos tristes. Isso vai causar algumas doenças graves no futuro, como depressão e ansiedade.

Mas como preservar o otimismo de uma maneira saudável?

O primeiro ponto levantado pelos dois especialistas é não negar eventos, situações e sentimentos incômodos. Reconhecer as dificuldades e encontrar soluções faz parte do processo de amadurecimento.

Uma das principais maneiras de eliminar emoções desagradáveis ​​é falar sobre elas, seja fazendo uma sessão de terapia ou conversando com alguém próximo e confiante.

imagem do incrível.clube

Para as pessoas que ainda têm muitos obstáculos para começar a falar sobre esses sentimentos, é divertido começar a escrevê-los e publicá-los. Este é um bom exercício de reflexão e também pode nos dar uma melhor compreensão de nossas próprias ideias.

É um período estressante para muitos jovens, é preciso criar um ambiente que garanta que as pessoas estejam sempre animadas e prontas, o que atrapalha às vezes o aprendizado.

Deixe um comentário